sexta-feira, 25 de março de 2011

A Rota dos acidentes

A Rota do Sol é terrível, mais duas mortes na estrada da morte, como pode ?? O limite de velocidade é de 80 km/h, mas a imprudência domina, todos os dias uso essa estrada para retornar ao meu lar, as barbaridades que vejo são dignas de um filme de Ação, pois são motoristas querendo ser heróis.
Os caminhoneiros são os piores, tem uma parte depois da ponte seca na direção Farroupilha-Caxias, ali tem caminhões que andam a 30 km/h e ficam na pista da direita, e tem uns que andam a 40 km/h e se acham no direito de ir na pista que o limite é 80 km/h, quantas freadas bruscas já vi e já fiz devido aos caminhoneiros se enfiarem para ir “mais rápido”.
A troca de pista é bruta, com chuva ou sem chuva, o pisca mal ta ligado e o carro já foi da esquerda para a direita e retorna, o transito não tem um fluxo continuo, na verdade o que falta é respeito, a imprudência domina nossa região, as mortes acontecem e todos acham normais, pois o cara correu demais.
Os trevos na Rota dos acidentes são incrivelmente mal colocados, a visão é péssima e se os motoristas não se enfiarem no meio da via não conseguem atravessar a mesma, é incrível que ninguém faça nada, pois a Prefeitura diz que é a empresa que cuida dos pedágios a responsável e a mesma diz que é desnecessário.
O jogo de empurra-empurra já faz parte da cultura brasileira, no exterior esse jeitinho brasileiro é visto como malandragem, detalhe, europeu e americano não gostam de malandragem, lá a apalavra ainda vale alguma coisa, no Velho Mundo ainda existem acordos verbais, no Brasil vale o jeitinho, quem ganhar um pouco mais é mais esperto.
O acidente foi uma colisão de frente, os dois morreram, coincidentemente a moça era funcionaria da mãe de um amigo meu e o rapaz era conhecido de uma colega de trabalho de minha esposa, Caxias parece grande, mas de vez em quando ainda encontramos conhecidos no Centro e coincidências como nesse acidente.
Sartori, por mais quanto tempo você vai deixar os cidadãos caxienses serem dilacerados na Rota do Sol ?? O que você vai fazer para resolver esse problema ?? O que a Prefeitura planeja para o futuro da Rota do Sol ?? Quais melhorias serão feitas com o aumento de fluxo na Rota dos acidentes ??
Nosso Prefeito/Administrador não vai fazer nada, pois é a empresa responsável pelo Pedágio que tem que fazer, eu acho um absurdo, se ela não faz, a Prefeitura tem que tomar uma atitude e depois cobre a empresa na Justiça, mas parece que a Administração Municipal faz pouco caso com a vida alheia.
Recentemente faleceu o Vereador Clauri Flores, pensei que Caxias ia fazer uma Campanha por um transito melhor, arrumar as vias, colocar passarelas, mas foi pura imaginação, nada foi e será feito. Sartori, qual o planejamento para o transito de Caxias do Sul ?? Essa é uma pergunta sem resposta.

3 comentários:

  1. E quando chove, o que a gringaiada faz? Reduz? NADA! Pé embaixo, que é pra chegar antes dos pingos baterem no asfalto...

    J.Cataclism

    ResponderExcluir
  2. O ruim disso ai é que quem tem que fazer é a Convias com autorização do DAER (estado), ate quero acreditar que se a prefeitura pudesse meter a mão ali já teria metido. Digo que quero acreditar porque mesmo não podendo efetuar obras, ela pode reclamar, gritar, protocolar reclamações e não faz isso. Então, se nem reclamar que é de graça a prefeitura reclama, será que ela faria melhorias se pudesse?

    João. A 470 entre Bento e aqui Veranopolis é muito pior. Isso ai é uma Autobam Alemã perto da 470.

    abs

    ResponderExcluir
  3. Márcio, realmente, quando vou para Santa Catarina, de Bento para Veranópolis a estrada é horrível, na verdade as estradas do Rio Grande do Sul estão péssimas, quando chego em Santa Catarina, a estrada não é a ideal, mas melhora muito. A Prefeitura de Caxias não reclama, não solicita melhorias, não faz, deixa a Empresa responsável pelo Pedágio a vontade, enfim, estamos amarrados dependendo da boa vontade dos Políticos.

    ResponderExcluir