segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Lei dos Estágios

Um amigo meu estava super feliz semana retrasada, conseguiu um estágio numa Empresa de renome na cidade, além disso com vários benefícios, tipo: Plano de Saúde, alimentação, transporte, PPR e direito as férias, ele fez um teste semana passada, gostou muito e passou no mesmo, ia receber uns R$ 900,00,  Na terça-feira ligaram para ele já iniciar na quarta, ele foi e trabalhou das 8:00 as 12:00 e das 13:00 as 15:00 e estava desligando o micro quando o Supervisor dele perguntou o que ele estava fazendo, meu amigo respondeu que estava indo embora, pois havia acabado seu expediente de seis horas, mas o chefe dele chamou a responsável pelo RH e ela lhe falou que pelo Sálario "elevado" e os benefícios ele teria que trabalhar as 8,8 horas diárias como um funcionário normal, ele ficou indignado e foi embora. Imediatamente após sua saída da Empresa foi até a agência de estagiários onde o mesmo foi selecionado, explicou para eles a situação, a agência foi muito profissional dizendo que ele tinha razão e não iam mais trabalhar com este cliente e conseguiriam um novo estágio para ele. Fico admirado como as pessoas gostam de burlar a lei, esta veio para dar mais dignidade aos estagiários e as empresas acham que podem persuadi-los a trabalhar mais horas, isso não pode acontecer !! E mais uma vez temos uma excelente lei criada nos papéis e sem nenhuma fiscalização. Este é o Brasil que conhecemos.

Curiosidade: é ridículo as Empresas que colocam anuncio procurando estagiários e pedem experiência. Isso pode ??

3 comentários:

  1. "E mais uma vez temos uma excelente lei criada nos papéis e sem nenhuma fiscalização."

    Muito bem lembrado!

    -----------------

    "Curiosidade: é ridículo as Empresas que colocam anuncio procurando estagiários e pedem experiência. Isso pode ??"

    Pois é. Isso aí faz parte da "moda" no momento das contratações.

    Há algum tempo, pessoas com mais de 40 anos eram colocadas no final da fila de contratação. Depois que uma ou outra empresa grande começou a valorizar a "experiência de vida", então quase todos mudaram a conversa.

    Aí veio a época em que era bom contratar gente SOMENTE com experiência, até que, recentemente, alguns descobrirram que vale a pena "criar a cobra" dentro da própria empresa, ou seja, é muito melhor um estagiário, ou "trainee", se assim preferirem, sem qualquer vício de empregos anteriores.

    Falta, também, qualificação para muita gente que trabalho ou lida com o RH, isso sim. Para muita gente, e não para todos, logicamente.

    J.Cataclism

    ResponderExcluir
  2. John

    Dificilmente esta empresa de estagios vai deixar de trabalhar com esta industria que contratou teu amigo. Pelo beneficios percebesse que é uma das grandonas da cidade, e para a agencia de empregos, negocio é negocio, não vão jogar fora assim um baita cliente deles...

    Quanto ao problema do teu amigo, concordo contigo, as industrias querem um funcionario CLT que de as despesas de um estagiario. Aconselho teu amigo a procurar o ministerio do trabalho e denunciar isso ai. O pessoal do ministerio é serio e vai a fundo quando os direitos do trabalhador são negados.

    Diga para ele não se acanhar, se for lá na Delegacia do Trabalho e denunciar, te garanto que eles vão atraz...

    Abs

    ResponderExcluir
  3. Também acho que ele deveria ir na justiça do trabalho, os caras são bons, tive uma experiEncia recente. Qaunto ás empresas, continua, como sempre foi, exploração.

    ResponderExcluir